Odontologia

Você sabe o que é periodontia?

A saúde bucal é fundamental para deixar os dentes e toda a parte interna da boca muito mais saudáveis e livre de tártaros, mau hálito e doenças que podem surgir pela falta de cuidados.

A Periodontia tratamento consiste na realização de procedimentos que visam curar inflamações e infecções na gengiva, tecido acima do osso do dente e que se deve sua sustentação. Ele pode ser denominado por outros dois nomes: periodontologia e raspagem.

As pessoas que necessitam desse tipo de tratamento são aquelas que não fazem adequadamente a higienização bucal. No entanto, os profissionais da área admitem que o fumo, baixa imunidade, tensão e má alimentação ajudam no enfraquecimento/ fragilidade da gengiva.

Essa é a porta de entrada para bactérias se alojarem na parte interior da boca, nesse caso, é preciso de um tratamento periodontal doi dependendo do grau da necessidade do paciente.

É importante saber que os sintomas de periodontite se assemelham aos da gengivite. Veja os principais sintomas:

  • Mau hálito;
  • Gengivas avermelhadas ou roxas;
  • Aparência das gengivas brilhante;
  • Gengivas inchadas;
  • Gengivas sangram com facilidade (principalmente na escovação);
  • Gengivas sensíveis ao simples toque, porém não doem de outra forma;
  • Dentes soltos.

Fique atento a estes sinais e, caso apresente-os, busque uma Clinica periodontia de sua confiança para começar o tratamento, podendo ter intervenção cirúrgica ou não.

Conheça alguns tipos de periodontia

Existe um grupo de pessoas que são propensas a desenvolverem a periodontia, além daqueles que não fazem corretamente a higienização bucal, são: fumantes, diabéticos, portadores do vírus HIV/AIDS, apresentam pouca massa corporal (abaixo do peso) e no estado de desnutrição, gestantes, adolescentes e pessoas com problemas imunológicos.

A genética também pode contribuir na periodontia, porém outros fatores ajudam como tártaro, pouca salivação, muito consumo de álcool, entre outros.

Dependo do caso, a melhoria vem com a cirurgia periodontal antes e depois com um tratamento complementar.

A periodontite crônica é comum nos adultos, que não tratam da gengivite e acabam perdendo os dentes.

A periodontite agressiva é rara e acontece muito rapidamente entre jovens e adolescentes, causa bolsas periodontais e está associado às bactérias virulentas.

Já a periodontite ulcerativa necrosante é mais rápida do que a agressiva e, ainda, compromete o osso e o ligamento alveolar.

Vem com às bactérias virulentas que estão presentes em fumantes, pessoas que consomem bastante álcool e portadores do vírus HIV.

A periodontite apical aguda surge por fatores traumáticos e afeta o osso alveolar. A última é a periodontite juvenil, que deriva de questões genéticas e hereditárias. Surge em jovens de 11 e 13 anos, porém pode aparecer aos 30 anos.

Isso tudo sobre periodontia que você precisa saber e ficar atento para buscar tratamento o quanto antes.

Você sabe o que é gengivite?

Gengivite é a fase primordial da periodontal e mais fácil de tratar, porém, se caso não houver um tratamento evolui para complicações mais graves e sérias.

Ela consiste em uma inflamação e infecção derivada das alterações de tecidos que sustentam os dentes e se dá por meio de acúmulos de placas a longo prazo. Sua causa é a falta de higiene.

A gengiva é uma área muito sensível, pois ela pode ser machucada por outros motivos como, por exemplo, escovação excessiva e até mudança de hormônios. Seus sintomas são:

  • Os dentes parecem mais longos por causa da retração da gengiva;
  • Gengivas separadas ou separação (afastamento) dos dentes e, ainda, cria-se uma bolsa;
  • O encaixe da mordida muda;
  • Mau hálito e gosto ruim na boca.

Lembrando que a gengivite pode aparecer em adolescente entrando na puberdade, jovens adultos e mulheres grávidas e, também, ter a ver com o uso de medicamentos como fenitoína e anticoncepcionais.

Outro fator que pode agravar o grau de inflamação são os dentes desalinhados, aparelhos mal encaixados ou mal limpos, pontas de obturações ásperas.

O seu tratamento, para ficar com uma saúde bucal perfeita, é eliminando as causas da gengivite e revertendo os sintomas da inflamação, impedindo sua progressão e evitando um problema maior.

Fique atento às dicas e aos sintomas e, se necessário for, a Gengivite tratamento é mais fácil do que a periodontal.

Lembre-se de fazer corretamente a higiene bucal, mas não excessivamente, para manter sua boca livres de germes e bactérias.