Saúde

Os exercícios físicos são essenciais para o bem-estar feminino

Conheça o poder das exercícios físicos ao longo da vida da mulher, adote uma rotina ativa e sinta a diferença!

Muito se engana quem acha que ter uma rotina de exercícios físicos resulta apenas em benefícios estéticos.

Praticar atividade física regularmente promove a manutenção da saúde da mulher, colaborando na melhora da saúde física e mental.

Sendo assim, vale investir em roupas tecnológicas para treino e colocar o corpo em movimento.

Quando comparadas aos homens, as mulheres possuem maior percentual de gordura devido às diferenças fisiológicas, como tamanho e composição corporal, ou seja, é importante adotar uma rotina que promova saúde de forma integral.

A OMS (Organização Mundial de Saúde) recomenda a prática de atividade física para a obtenção de saúde em adultos.

Assim, para atividades moderadas, o tempo deve variar entre 150 a 300 minutos por semana.

No caso de atividade intensa, o tempo pode ser reduzido para algo em torno de 75 e 150 minutos semanalmente.

Acompanhe o artigo e entenda melhor como a saúde feminina pode ser beneficiada com a prática regular de atividades físicas.

Atividades físicas e seus benefícios para todas as fases da vida da mulher

Movimentar o corpo de forma saudável colabora para a saúde feminina em todas as fases da vida.

Ciclo menstrual e TPM

A prática de exercícios físicos promove liberação de endorfina — o conhecido “hormônio do prazer” —, diminuindo as cólicas e os efeitos relacionados ao período menstrual.

Isso inclui a TPM, equilibrando, assim, as alterações de humor e dores nas mamas, por exemplo.

É importante atentar-se para a quantidade de atividade praticada, observando os sinais do corpo, que costuma ser um mensageiro eficiente em caso de excesso ou até de execução inadequada.

Sendo assim, caso o ciclo menstrual apresente alguma irregularidade quando antes era controlado, ou o corpo apresente lesões articulares, musculares ou até ósseas, pode ser sinal de uma intensidade maior do que o corpo precisa.

Gestação

Durante a gestação, caso não seja de risco, a prática de exercícios é recomendada por promover diversos benefícios para o corpo.

É importante respeitar as limitações que o corpo gravídico apresenta.

No entanto, ao adotar uma prática contínua, é possível controlar o peso, trabalhar na manutenção do condicionamento físico.

Além de minimizar os sintomas negativos da gravidez, como as dores nas costas, no quadril e na sacro ilíaca, por exemplo.

O fortalecimento dos músculos colabora para a diminuição da tensão no parto e promove uma recuperação mais leve no pós-parto.

Climatério

Mulheres no período de climatério podem sentir diversos efeitos colaterais, como  a redução do metabolismo e a oscilação do humor, por exemplo.

Além disso, podem apresentar patologias de vários tipos, como dislipidemia (gordura no sangue), diabetes mellitus tipo II (que afeta o processamento de açúcar no sangue), obesidade, aumento da pressão arterial, osteoporose, ansiedade e depressão.

Depois da menopausa, o estrogênio diminui sensivelmente. Assim, a regularidade na prática de exercícios físicos pode minimizar os efeitos dessa fase da vida, colaborando para prevenir o câncer de mama e o câncer de cólon (intestino), por exemplo.

Os exercícios ajudam no combate à depressão e melhoram o humor, trazendo mais equilíbrio hormonal, permitindo maior qualidade de vida e bem-estar para a mulher.

Melhor idade

Segundo a Sociedade Brasileira de Medicina Esportiva, para chegar na terceira idade com saúde, a prática regular de exercício físico desde a adolescência atua como um meio eficaz na prevenção de doenças.

Dessa forma, a relação entre o nível de condicionamento físico e seu efeito protetor é fortalecida, ou seja, o risco de apresentar doenças diminui conforme o aumento da atividade física.

Mesmo mulheres que começam a praticar já na melhor idade podem sentir a diferença na vitalidade, na força física e na melhora significativa do bem-estar.

Prazer, autoestima e saúde: tudo está interligado

A regularidade na prática de atividade física promove diversos benefícios para a saúde feminina.

Uma das maiores vantagens é a otimização da produção de serotonina e ocitocina, que são os hormônios responsáveis pela sensação de prazer e regulação do humor.

Além disso, os exercícios colaboram para a manutenção do peso corporal, permitindo a transformação da gordura em massa magra, colaborando, assim, para o aumento da autoestima.

Por último, mas não menos importante, uma rotina ativa colabora no controle da pressão arterial, na prevenção do acidente vascular cerebral (AVC) e do diabetes, além de reduzir a incidência de doenças gerais.

Ou seja, ajuda a equilibrar a saúde da mulher de forma integral.

Alimentação e sono em dia para resultados ainda melhores

Para que o corpo possa se recuperar e possa apresentar bons resultados, é importante que a mulher adote uma alimentação equilibrada e tenha um sono de qualidade.

Sendo assim, é essencial que esses dois itens estejam em dia para que se possa alcançar bem-estar na prática regular de atividades físicas.

Além disso, vale ressaltar a importância de um treino executado de forma segura e com acompanhamento, seguido de descanso adequado.

Com essas informações, você já pode adotar uma rotina de atividades físicas e experimentar a melhora do bem-estar para viver uma vida com muito mais qualidade!

 

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *