Laboratório

Materiais essenciais para um laboratório de química

Os equipamentos de laboratórios de química, são essenciais para a realização de trabalhos para cientistas que manipulam, sobretudo, experimentos químicos, físicos e biológicos, com a intenção de obter um resultado sobre o conhecimento que se deseja alcançar.

São instalados, principalmente, em locais fechados e arejados e dão suporte para métodos específicos, onde a utilização correta destes, leva à consequência positiva de revelar o que está sendo estudado.

Para tanto, os materiais para laboratório de química são extremamente variados e cada um possui uma finalidade de uso exclusiva, por isso, há equipamentos indispensáveis para a vida de um laboratório aqui expostos.

É importante conhecer as substâncias que serão manipuladas com os materiais

Quando a palavra química é mencionada, existe um pensamento direcionado para a substância, no entanto, uma substância não se mantém só pura, como também, pode ser composta, portanto, reagindo com outras, tornando possível que ocorra uma reação química.

Atualmente, esses reagentes são classificados de acordo com seu nível de pureza:

  • Técnica: possuem grau baixo e são utilizados em indústrias;
  • Puros: usados em preparações de laboratório, mas não para análises;
  • Para análise: análises exigentes;
  • Grau Alimentício: aditivo em indústrias alimentícias;
  • Cromatograficamente: para processos extremamente sensíveis;
  • Espectograficamente: indicados para processos que possuem elementos de pureza elevada.

A lista de reagentes para laboratório de química, consiste em inúmeras substâncias que causam a reação química, portanto, sendo variadas. Pode-se ter a aquisição de sulfatos, nitratos, glicose, hidróxido, diversos ácidos, entre outros.

É claro que, esses produtos são perigosos se não manuseados conforme deveriam, por isso, seu uso deve ser restrito somente à cientistas e pesquisadores, assim como estudantes.

Logo, existe a distribuidora de reagentes para laboratório, que cuida com precisão do processo químico necessário.

Muitas destas empresas, estão totalmente especializadas no ramo, sendo assim, só fazendo vendas para pessoas que estão aptas a usar o produto, sem qualquer risco de causar um acidente.

É importante obter os produtos de especialistas

É necessário lembrar que, a escolha certa sobre a distribuidora contratada, faz toda diferença, pois é a partir desta, que os reagentes são obtidos e manuseados, e um uso informal de um produto vencido pode, não só causar incidentes, como também atrasar o prazo do experimento.

Os reagentes para laboratório SP, são encontrados com facilidade em toda a região, bem como no meio online, onde seu custo tem uma variação de preço, dependente do produto e seu fim para utilização.

É possível achar por R$ 10,00 um reagente ou fazer uma compra com variados reagentes por outro preço. Parecido com um orçamento, a cotação para reagentes para laboratório pode ser realizada pela internet, de acordo com as especificações necessárias de cada laboratório.

Dessa forma, é possível prever o gasto com os produtos e ainda realizar uma comparação entre as empresa – e assim, escolher a mais viável e vantajosa para você.

Até aqui, foi visto como os materiais são usados e também, foi conhecido um elemento essencial de laboratório – o reagente.

Em seguida, há uma breve definição sobre cada equipamento, que será essencial na utilização de um laboratório de química:

  1. Agitador Magnético: Prepara soluções e reações químicas;
  2. Balança Analítica: É usada para obter massas;
  3. Microscópio: utilizado para visualizar estruturas minúsculas;
  4. Tripé de ferro: apoio para equipamentos que são colocados sobre ela;
  5. Suporte Universal: sustenta todos os tipos de materiais;
  6. Garras e argolas de ferro: sustentação dos aparelhos de laboratório;
  7. Tubo de ensaio: testa reações com pequenas quantidades de reagentes;
  8. Vidro de relógio: Pesa pequenas quantidades de substâncias;
  9. Erlenmeyer: Prepara soluções químicas;
  10. Balão de fundo chato: aquece e prepara soluções com desprendimento de gases;
  11. Balão de fundo redondo: aquecimento sob refluxo;
  12. Cilindro graduado: Medição e transferência de volumes;
  13. Balão volumétrico: Prepara volumes precisos de soluções;
  14. Pipeta graduada: Mede e transfere volumes variáveis de líquidos ou soluções;
  15. Pipeta volumétrica: Transfere e mede um volume;
  16. Bureta: Mede os líquidos ou soluções por escoamento;
  17. Trompa de vácuo: usada para as “filtrações à vácuo”;
  18. Cadinho: Aquecimento e funde de sólidos a altas temperaturas;
  19. Triângulo de porcelana: suporte para cadinhos;
  20. Cápsula de porcelana: Concentra e seca soluções;
  21. Centrífuga: acelera o processo de decantação;
  22. Estufa: utilizada para dissecação, evaporações lentas de líquidos;
  23. Capela: realiza as reações que liberam gases tóxicos;
  24. Colher de deflagração: Para combustão pequena de substâncias;
  25. Condensador: Utilizado em processos de destilação, para condensar vapores;
  26. Funil de separação: Usado para separação de líquidos imiscíveis;
  27. Funil de haste longa: Retém partículas sólidas e filtra;
  28. Tubos em U: preenchido com uma solução especial, funciona como ponte salina para a passagem de íons;
  29. Papel de filtro: Papel poroso, que retém as partículas sólidas.

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *