Odontologia

Você não precisa sentir dores de dente para saber o que é extração do siso

A grande maioria das pessoas já teve que lidar ou vai lidar um dia com a Extração de dente siso, um processo que é considerado quase um ritual de passagem nos dias de hoje.

Isso porque o dente de siso, ao nascer, em alguns casos, oferece riscos à saúde bucal ou à sua estética, portanto, precisa ser retirado, geralmente entre os 15 e 20 anos de idade.

Muito se fala sobre os problemas causados pelo nascimento desse dente e os incômodos do processo de extração. Sendo assim, é muito importante saber como a cirurgia funciona se você optou pela remoção desses terceiros molares.

Confira nesse artigo:

  • O que é dente de siso?
  • Como extraí-lo?
  • Quando fazer a remoção?
  • Extração dente siso preço
  • Cuidados importantes

Afinal, o que é dente de siso?

Os dentes conhecidos como sisos são os terceiros molares presentes na arcada dentária, também chamados popularmente de dentes do juízo.

Muitas pessoas já nascem sem ele e não terão que lidar com a extração em nenhum momento da vida, enquanto a outras será recomendado passar pelo processo cirúrgico de extração.

Em muitos casos, é preciso extrair dente siso inflamado, o que pode ser mais complicado, demorado e também mais dolorido que a cirurgia no dente saudável.

Por isso, é importante optar pela remoção o quanto antes. Isso evita uma série de complicações na saúde bucal, tais como:

  • Incapacidade de higienizar;
  • Pressão nos dentes vizinhos;
  • Traumas na arcada dentária;
  • Anormalidades na mordida;
  • Problemas de fala;
  • Inflamações constantes;
  • Cáries e doença periodontal;
  • Dores incessantes.

Em casos mais raros, os sisos não incomodam em nenhum momento e não provocam os problemas relatados, pois algumas poucas pessoas possuem espaço suficiente para eles e não ficam com a estética prejudicada pelo seu surgimento.

Sendo assim, a extração não é indicada e torna-se fundamental realizar a limpeza constante dos sisos, cuidando para que eles não infeccionem ou causem outros problemas à saúde bucal.

Isso porque, estando tão longe, fica mais difícil higienizá-los da forma adequada, possibilitando que restos de comida se acumulem e causem infecções.

Todo cuidado é pouco quando se fala da higiene bucal, mas quem ainda possui os sisos precisa de atenção redobrada.

Para evitar cáries, a escovação deve ser feita da maneira correta e processos de raspagens e limpezas no consultório odontológico são muito importantes de tempos em tempos, de acordo com o que o dentista recomendar.

Como a extração é feita?

Para Extração dente do siso, o cirurgião-dentista irá anestesiar adequadamente a região, que ficará adormecida, e então ele fará uma pequena incisão na pele da gengiva.

A partir daí, ele a deslocará e poderá ver por inteiro o dente a ser retirado.

Depois, é bem simples: após remover o dente (e os restos de osso que podem ficar na cavidade caso o dente ainda não tenha nascido), o cirurgião-dentista faz a devida sutura.

Então, é preciso aguardar alguns dias para que a mastigação volte ao normal. Até que o local se recupere da operação, recomenda-se não ingerir alimentos sólidos e quentes.

Quando fazer a cirurgia?

É importante consultar seu dentista sobre o melhor momento para fazer a extração. Geralmente, ela é feita quando o paciente tem entre 15 e 20 anos, pois cicatrização de dente extraido é mais eficiente e rápida nessa idade.

Além disso, a massa óssea que fica ao redor dos sisos começa a se fundir ao dente a partir do 30 anos, o que faz com que a cirurgia seja mais complexa.

Posso extrair todos os sisos de uma vez?

Essa resposta depende de cada caso. É, portanto, uma responsabilidade do cirurgião-dentista dizer quantos sisos podem ser extraídos na mesma cirurgia e o impacto desse procedimento no organismo do paciente.

Para isso, ele leva em conta vários aspetos de sua saúde bucal, tais como:

  • Possíveis complicações;
  • Conforto;
  • Pós-operatório;
  • Situação dos sisos.

A partir de uma análise aprofundada, o dentista também poderá definir o preço do procedimento, o tempo de duração e os fatores envolvidos. Por isso, o valor de extração de dente depende de cada caso.

Extrair o siso dói?

Como toda cirurgia, extrair os sisos envolve alguns incômodos que são normais para esse tipo de procedimento. No entanto, uma anestesia local, ministrada por uma injeção, é aplicada na região onde o siso se localiza.

Em alguns casos, é possível receber também um sedativo, pois muitas pessoas têm dificuldade de controlar o medo e a ansiedade que podem surgir antes da cirurgia.

O mais importante é realizar a cirurgia da forma adequada e com segurança.

Além disso, como cada organismo lida de uma forma com a cirurgia, é preciso estar sob os cuidados de profissionais indicados, que saberão guiar você sobre os detalhes desse processo tão comum atualmente.