Cuidados Exercícios Gravidez

Exercícios durante a gestação e saúde

O período da gestação é complexo pois o corpo da mulher passa por diversas transformações, desde físicas até as hormonais. É por causa disso que o cuidado com a saúde deve ser redobrado. Além disso, a gestação pode causar dores e desconfortos à mãe. Para amenizá-las, existem alguns exercícios que auxiliam no alívio da dor e das demais alterações que ocorrem no período.

Uma dessas práticas é o pilates, que é praticado com acessórios para pilates solo, com o apoio total do instrutor.

Pilates para a gravidez

Para que o pilates tenha eficiência durante o período, é importante que todos os exercícios foquem nos três trimestres. Isso porque cada período a gestante estará diferente com relação ao corpo e o instrutor deverá adaptar os exercícios ao condicionamento físico.

De modo geral, nos durante os nove meses ocorrem as seguintes mudanças:

  • Primeiro trimestre: A gestante tem sintomas intensos, aumento do peso e das mamas e vontade constante de urinar;
  • Segundo trimestre:  A barriga começa a se deslocar para a frente, por conta do aumento do bebê. Com isso, a lordose aumenta, causando dores nas costas;
  • Terceiro trimestre: pode acontecer uma dificuldade em respirar, afinal o bebê está perto das costelas. A mulher se sente mais cansada e os ligamentos da pelve ficam distendidos.

Sabendo disso, o instrutor de pilates, deve trabalhar os movimentos da pelve, principalmente movimentos conhecidos como retroversão e anteversão, deixando a gestante sentada em uma superfície mole, como uma bola.

O pilates durante a gravidez permite à gestante alguns benefícios como:

  • Boa postura;
  • Reduz dores;
  • Aumenta a qualidade do sono;
  • Fortalece os músculos pélvicos;
  • Auxilia na recuperação mais rápida no pós-natal

Exercícios funcionais durante a gravidez

Uma mãe deve sempre estar preparada, isso desde a maternidade, com o saquinho de maternidade para separar as roupas do bebê e assim por diante. Uma mãe mais preparada ainda é aquela que teve a preocupação de desenvolver um condicionamento físico com exercicios funcionais.

Os exercicios funcionais são aqueles que usam o corpo e suas características naturais para criar movimentos simples e altamente eficientes. Isso porque tais atividades possuem uma gama incrível de benefícios.

O exercício funcional trabalha diversos músculos, atuando na correção da postura e dá sustentação a coluna.

A gestante precisa procurar sempre um maior controle da postura, dado o aumento do peso e a possível mudança de seu centro de gravidade, por causa do aumento da barriga.

Além da postura, as articulações das futuras mães podem sofrer bastante também e é por isso que antes de ter uma bolsa de maternidade para mãe, é necessário fazer exercícios que preparam as articulações como:

  • Pranchas;
  • Discos infláveis;
  • Bolas suíças;
  • Elásticos (que atuam no nível ligamentar).

Os exercícios funcionais durante a gravidez alteram um pouco, justamente para atender as mudanças corporais que a mãe passa.

Nesses exercícios, os movimentos são feitos sem muita instabilidade, portanto, mais seguros, para proteger as articulações. Os alongamento são muito importantes nesse período, principalmente para relaxar.

Os movimentos funcionais para gestantes são feitos mais leves, com apoios, de baixo impacto e o instrutor sempre conduzirá a mãe ao trabalho da respiração para evitar o cansaço ou a fadiga muscular.

Além disso, trabalhar o assoalho pélvico também é importante, pois preparam para o momento do parto e evitam a incontinência urinária.

Para a gestante praticar todos esses exercícios, a gestação deve ser considerada normal e só deve ser feita após autorização médica.

Os exercícios precisam ser interrompidos quando a grávida sentir sintomas como: dores no peito, no abdômen, ou perda de fluido, tontura, vômito ou palpitação.

Exercícios funcionais no pós-parto

Os exercícios funcionais é de onde a mãe retira uma forma de auxilia-lá durante todo o período. Principalmente no pós-parto. Aqui os exercícios focarão no fortalecimento do abdômen e também do assoalho pélvico, de modo a evitar alguns problemas como incontinência urinária e para melhorar as funções fisiológicas e sexuais.

Além do mais, os exercícios funcionais ajudam no melhoramento da postura e também no desenvolvimento de uma maior flexibilidade e recuperação cardiorrespiratória.

Todos os exercícios aqui citados, desde o pilates até os exercícios funcionais devem ser feitos de acordo com a aprovação médica e com as instruções dos tutores dos exercícios, principalmente durante a gestação.

Além disso, é preciso contar com itens como kit maternidade com mochilapara quando o bebê estiver a caminho já estar tudo preparado para sua chegada.

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *