Entenda um pouco mais sobre funções vitais
Bem estar Cuidados Curiosidades

Entenda um pouco mais sobre funções vitais

Saber como funciona o corpo humano é muito importante, ainda mais, se for em uma situação onde há possibilidade da pessoa morrer. 

Portanto, conhecer sobre funções vitais fará muita diferença nesses momentos.

O curso de primeiros socorros será de grande utilidade em momentos tensos onde uma vítima precisa de ajuda, sem um atendimento pode fazer com que ela sofra muitas consequências, por exemplo.

Entender mais sobre o corpo humano deveria ser uma busca de todos, afinal de contas somos uma máquina viva.

Entenda um pouco mais sobre funções vitais

Milhares de pessoas morrem no ano decorrente de muitos acidentes e vários deles poderiam ser evitados se as pessoas entendessem o mínimo sobre as funções vitais do corpo, como a pulsação, respiração e outros pontos mais que abordaremos aqui.

Quando o corpo entra em pane por causa da temperatura alta como você deve proceder? 

Esses tipos de perguntas são muito importantes para testar o seu conhecimento básico sobre as funções do corpo humano.

Se as funções vitais não estiverem normalizadas é sinal de que algo está errado e pode acontecer uma piora a qualquer momento.

Por esse motivo, nos próximos tópicos você saberá mais sobre as funções vitais do corpo humano.

Temperatura corporal

Vários órgãos são responsáveis por regular a temperatura do corpo que deve estar entre 35,9 e 37,2° C. 

Essa medida é causada pelo equilíbrio que o corpo faz para manter tudo sob controle.

As funções metabólicas é que fazem com que a temperatura chegue em todas as partes do organismo.

A temperatura terá uma variação de acordo com algumas ações fisiológicas do corpo, onde pode ser influenciada pelo meio em que você está no momento, ou seja, se está muito calor ou frio.

Os exercícios e a digestão dos alimentos também são responsáveis pelas mudanças.

Quando a pressão diminui abruptamente pode levar o corpo a ficar frio, se a pessoa tiver febre ela pode ficar alta e causar convulsão e danos irreversíveis no cérebro.

Diante de uma situação de segurança vital é importante que seja medido a febre de uma pessoa, ou seja, temperatura acima de 40ºC. 

Isso vai acontecer quando a perda de calor for menor do que a de ganho.

O aumento da temperatura pode acontecer devido a uma enfermidade, então o hipotálamo que é responsável por esse controle térmico é afetado, mas tudo isso é uma resposta do organismo para resolver o problema.

Alguns sintomas da febre são:

  • Mal estar;
  • Perda de apetite;
  • Pulso rápido;
  • Calafrios;
  • Respiração rápida;
  • Sudorese;
  • Dor de cabeça.

A melhor maneira de tratar esse problema é usando compressas em lugares de grande passagem de sangue como testa, pescoço, cabeça, virilha e axila, às vezes será necessário remédio e até um banho frio.

Pulso

Quando você coloca a mão no pulso verá algumas ondas de pulsação que terá uma certa regularidade devido a pressão que o coração faz para que o sangue circule.

Essa regularidade da pulsação é alterada quando a pessoa está com algum problema que possa afetar a vida dela.

Algumas febres alteram a pulsação, aumentando para dez por minuto. Essas mudanças alteram a frequência cardíaca, já no caso de  desmaios fazem com que diminuam.

Portanto, você deve aprender a sentir o pulso, veja só como deve ser:

  • Não use o polegar para não sentir as próprias frequências;
  • Use o dedo indicador e o médio sobre a artéria que você fará a medida;
  • Contar as pulsações no período de 60 segundos;
  • Deve ser observada a regularidade da tensão e o volume da pulsação.

Tudo isso você deve fazer deixando o braço da pessoa numa posição relaxada e pode fazer medida da pulsação em qualquer lugar onde é fácil de observar.

Respiração

Podemos sobreviver meses sem comida, alguns dias sem água, mas poucos minutos sem oxigênio. 

Na respiração o corpo faz trocas gasosas onde absorve oxigênio e expelem gás carbônico.

Como a respiração é controlada pelo sistema nervoso central, ela não depende de que você pense para respirar. 

Sendo assim, você pode perceber como é importante saber sobre esse detalhe básico no primeiro socorros.

Vários fatores podem alterar a frequência respiratória como acidentes e doenças, mas além disso, existem outros problemas que podem causar como: vômitos, a língua que dobra para a garganta, secreções e tudo que obstrui as vias aéreas.

Dessa forma é importante que você saiba identificar os problemas e agir da maneira mais adequada para resolver dentro do possível cada situação.

Para medir o fluxo respiratório de um pessoa você deve analisar a quantidade de inspiração que ela faz por minuto, mas a frequência respiratória pode variar com a idade e sexo.

Com relação ao homem adulto o ciclo respiratório é de 14 a 20 por minuto, das mulheres é de 16 a 22 e das crianças recém nascidas é de 40 a 50. 

Pressão arterial

A pressão sanguínea depende da força que ele faz para empurrar o sangue por meio das artérias, chegando em todo o corpo pelos canais como veias e capilares. 

Embora o coração tenha a sua responsabilidade para empurrar o sangue a pressão não depende somente dele mas do volume de sangue, viscosidade e do grau de distensibilidade do sistema das artérias.

A pressão arterial possui as suas variáveis que devem ser consideradas na análises de medição, então é importante que tudo seja levado em conta, como idade, por exemplo.

As medidas são as seguintes: a pressão alta (sistólica) tem uma variação entre 100 a 140 mm Hg, ou seja, a máxima deve ser de 14.

Com relação a pressão baixa (diastólica) ela pode variar entre 60 a 90 mm Hg, sendo assim, a pressão mínima deve ser de 6. Por isso, fazem a média de 12 por 8.

O modo de lidar com casos de pressão alta é deixando a pessoa sem usar muita água e sal, ficando com a cabeça levantada.

No caso de pressão baixa a pessoa deve ficar deitada para que o corpo tenha mais facilidade de aumentar a pressão e levar sangue com mais força para toda parte do corpo. 

Pode ser dada água e sal para que ajude na recuperação.

Conclusão

Entender sobre funções vitais é muito importante para que você possa ajudar as pessoas em caso de grande necessidade, e cada detalhe sendo analisado e levado em consideração pode ajudar a pessoa a não morrer ou ter sequelas.

Com um curso de primeiros socorros você terá ainda maior conhecimento para que possa lidar com situações que podem custar a vida da vítima.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *