Bem estar

6 dicas para manter a saúde mental em dia

Estamos vivendo tempos difíceis, com desafios nunca antes imaginados, soma-se isso à crise econômica e mais os problemas naturais do dia a dia, o resultado disso nem poderia ser outro: saúde mental abalada.

 

Como fugir desse estresse todo? Será que tem como passar imune a isso tudo? Então, viajar sempre é uma boa pedida, e ainda mais com as facilidades que encontramos na internet com sites como booking, por exemplo, entre outros.  Mas será que viajar é a solução?  

 

Sejamos realistas, nem todo mundo tem tempo ou orçamento que permita viajar, por mais facilidades que encontre. Mas, então, como lidar com eventos como a pandemia, por exemplo, falta de dinheiro ou desemprego? 

 

Pensando nisso, resolvemos mostrar aqui 6 dicas de como manter a saúde mental em dia: 

1. Pratique atividades físicas 

Não há dúvida de que os exercícios são ótimos para fortalecer o corpo, mas o fato é que eles fazem muito bem também para a mente, mesmo até aquelas atividades simples, como 30 minutos de caminhada diariamente, ajudam na produção de serotonina, fortalecer a imunidade e melhorar a saúde como um todo. Portanto: mexa-se!

2. Mantenha uma dieta balanceada 

Procure priorizar uma alimentação rica em nutrientes, pois isso contribui para ter mais disposição, estimulando os níveis de energia a se manterem elevados ao longo do dia.

 

 E, claro, é importante manter a hidratação em dia, mas procurando limitar a ingestão de cafeína, pois ela bloqueia a melatonina e pode prejudicar o sono. 

3. Priorize a qualidade do sono 

Em se tratando de saúde mental em dia, dormir bem é fundamental, por isso, aposte em uma rotina que facilite seu sono. 

Evite assistir TV, olhar o celular, pelo menos, 30 minutos antes de ir para a cama, e cafeína, pelo menos, 8 horas antes de dormir.  Procure dormir sempre em um mesmo horário e por, pelo menos, 8 horas por dia. 

4. Invista em atividades relaxantes 

Procure focar em atividades relaxantes que possa lhe tirar de sua rotina de estresse. Caminhadas, alongamentos, ioga, meditação, são alguns bons exemplos de exercícios que podem ajudar a aliviar o estresse. 

 

Procure viajar mais, encontrar destinos para relaxar e curtir sozinho ou com a família.

E mesmo nas viagens, não se estresse, Tenha sempre a mão serviços de seguros, empresa desentupidora, ou telefone de algum mecânico local. 

 

As viagens devem ser planejadas com antecedência, assim, evita-se estresses e perrengues.

 

5. Aprenda a dizer não 

Muita gente costuma se anular para não frustrar um colega, amigo ou até familiar. O problema é que isso acaba gerando um alto grau de estresse. 

Por isso, se algum pedido lhe colocar em situação de constrangimento, estresse ou lhe deixar pouco à vontade, saiba dizer “não”. 

É muito importante se respeitar, e ao passar por cima disso você se coloca em um alto estado de estresse, prejudicando seu bem-estar.

6. Tenha metas e objetivos realistas 

Respeite seus limites. Acredite, se conhecer e não se pressionar é muito importante para evitar o excesso de estresse. Por isso, estabeleça metas realistas, que não geram frustrações. 

Esqueça aqueles objetivos muito distantes ou estressantes, pois isso não ajudará em nada o seu bem-estar. 

E é isso, no mais, caso nada disso funcione com você, não tenha medo de pedir ajuda. Acredite, todo mundo, de uma forma ou de outra, acabou sendo afetado pelos recentes eventos.

 E lembre-se que pedir ajuda é uma demonstração de autoconhecimento, coragem e força, e não de fraqueza, só reconhecendo que não está tudo bem poderá correr atrás para conseguir reconquistar sua saúde mental.